Notícias

Robert G. Edwards recebeu este ano o Prémio Nobel da Medicina, pelo brilhante e importantíssimo processo de fertilização in  vitro. Louise Brown, a primeira bebé proveta do mundo, hoje com 32 anos, é a prova viva do papel deste processo na história da medicina. Muito mais do que fazer bebés, foi um passo de gigante para o Homem como ser gerador de vida de forma artificial. É  vitória da mente humana sobre a Natureza.

E, como era de esperar,  o Vaticano insurge-se contra esta atribuição do maior galardão científico e humanitário mundial. Como se não tivessem problemas internos suficientes.

Advertisements
Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s